jusbrasil.com.br
18 de Dezembro de 2017

Greve dos servidores faz INSS só agendar aposentadoria para 2016

Jose Luiz da Silva Pinto, Advogado
há 2 anos

Quem pretende se aposentar este ano pode ter que adiar esse plano em função da greve dos servidores do INSS. Após 53 dias de greve a maioria das agências da capital paulista só agendam pedidos de aposentadoria por tempo de contribuição para 2016.

Somente o serviço de perícias médicas está funcionado normalmente nas agências, pois os médicos do INSS não estão em greve.

O INSS não comenta a demora no atendimento. Em nota, o instituto declarou que "a interrupção no atendimento nas unidades acarreta prejuízos a toda a população".

Para compensar a demora o segurado vai receber o benefício desde a data do primeiro agendamento, de acordo com o INSS, por isso é muito importante o segurado agendar o serviço, mesmo que não seja feito durante a greve aquele agendamento serve para ele receber os atrasados depois da greve.

Como a greve não tem data para terminar a normalização nos atendimentos nas agências poderá demorar até um ano.

Início da Greve: 17 de julho.

O que querem os funcionários: 27% de reajuste.

O que o governo federal oferece: 21,3% de reajuste, parcelado em 4 anos.

Reajuste mais recente: 15,8% parcelado em 3 anos com a última parcela recebida este ano.

Fonte: Folha de São Paulo

http://www.advprevidenciario.com/greve-dos-servidores-faz-inss-so-agendar-aposentadoria-para-2016/

1 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Olá,

Gostaria de sanar uma dúvida. A data do primeiro agendamento serve também para congelar o ordenamento jurídico no que toca ao direito do contribuinte? Ou seja, se uma MP vier a cair, ou se uma lei vier a ser revogada, qual Lei regerá a situação do contribuinte ? continuar lendo